02/05/2010

~~Pensante.

Ela permanecia sentada e imaginava como seria a sua vida a partir daquele momento.
O passado não importava! Porque se preocupar com essas coisas que são irreversíveis? "Vamos seguir adiante." afirmava para ela mesma.
A menina que nunca havia sido vaidosa olhava suas mãos, seus pulsos. Uma pulseira fina caia pela sua mão esquerda como uma linha de vida tentando aparecer mesmo timidamente e desfarçadamente, um anel no dedo indicador da mão direita que havia ganho ha muitos anos, talvez ainda na infância que brilhava quando entrava em encontro com uma fresta de luz. Ela simplesmente não sabia há quantos anos o possúia ou por que ainda o usava.
Alguns fios de cabelo lisos caíam sobre a sua face, poucos. Acariciando a sua pele e seu rosto que não mantinha nenhuma expressão. Nem medo, nem dor, nem felicidade.
Ela só sabia que queria ser melhor a partir de já. Mas por onde começar?





3 Comentários:

Mauricio disse...

"Mas por onde começar?"
Adorei o texto, virei sempre que houver novos textos
=*

- Gean Carlos disse...

aê eu te pergunto: "por onde começar?"

o passado não importa, mas ele persegue como uma sombra fria e densa que nos incomoda :S

Camila disse...

Meninaaaaaa, e eu paro de ler teus post's? Adooroooo o/
Não importa tanto por onde começar, mas sim começar, fazendo isso você já se torna melhor :D
Beijo gataa ;*
Teles ;)

 
Lady Owl ©Template por 187 tons de frio. Resources:falermpiard e magg.